Prefeituras de Serra Talhada, Calumbi e Brejinho estão na listas das que enrolam concurseiros

Resolvida a recente pendenga do Concurso Público de Quixaba e  realizado o certame de Carnaíba, são três as prefeituras na nefasta lista das que enrolara ou não deram explicações para centenas de concurseiros na região.

Em Brejinho, no Alto Pajeú, o concurso foi suspenso antes da realização das provas. O dinheiro das inscrições não foi devolvido. No site www.famw.com.br, da organizadora do concurso, nenhuma informação existe.

Em Calumbi,a empresa escolhida para a realização do concurso foi a famigerada Metta Concursos. Acusada de irregularidades, a empresa está desativada e os donos presos. E a Prefeitura não apresentou solução alguma.

Em Serra Talhada, o problema é parecido. A gestão Carlos Evandro também optou pela Metta para realizar o concurso. A diferença é que  a Justiça e MP interveram para anulação do concurso, o que acabaria acontecendo com a desativação da empresa.

Também neste caso, quem pagou as inscrições perdeu o dinheiro. Recetemente, o MP fez TAC com a Prefeitura para novo concurso. Mas nenhuma solução foi apresentada para quem se inscreveu para o processo anterior.

Informações: Nill Junior

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top