Com saída do PT, nomes ganham força para a vice de João Campos

O anúncio oficial do diretório nacional do PT de que a deputada federal Marília Arraes será candidata à prefeitura do Recife mexeu na composição da Frente Popular, e a vaga de vice-prefeito que era considerada natural do PT, passa a ser especulada para outros partidos e consequentemente surgem nomes com dimensão para o posto.

Integrante da Frente Popular desde 2012, o MDB do senador Jarbas Vasconcelos, é o principal partido com legitimidade de reivindicar a vaga de vice de João Campos, uma vez que está abdicando de uma candidatura própria, a do deputado federal Raul Henry, em prol da unidade e torno do candidato do PSB, e o nome natural da sigla é o do economista e suplente de senador Fernando Dueire. Com excelente trânsito, Dueire seria um nome importante para fazer o contraponto à pouca experiência de João. Além do cargo de vice, poderia ser um importante auxiliar do socialista na capital.

O PDT, que retirou a pré-candidatura de Túlio Gadêlha, também busca, apesar de com menos chances, a vaga de vice, cuja opção seria o da ex-vereadora Isabella de Roldão, que atualmente integra a equipe do prefeito Geraldo Julio. Porém, o que se comenta é que o MDB é a bola da vez e o nome de Dueire seria a escolha mais acertada para o momento.

Informações: Coluna da Folha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

 
Scroll To Top