Decretado ponto facultativo nos dias 24 e 31 para os servidores da Prefeitura

A prefeita de Arcoverde, Madalena Britto, assinou os decretos 253/ 2014 e 254/ 2014 decretando ponto facultativo para as repartições públicas e municipais na próxima quarta-feira, dia 24 de dezembro; e na quarta-feira da semana seguinte, dia 31 de dezembro, para que os funcionários possam festejar a véspera de Natal e Ano Novo, respectivamente. No entanto, o ponto facultativo não é válido para os servidores cujos serviços sejam indispensáveis para a população da cidade. Esta exceção será julgada pelo chefe de cada repartição.

 Mesmo sendo ponto facultativo, não haverá alteração na Feira do São Miguel. A feira vai funcionar normalmente como em todas as quartas-feiras.


Ângelo Ferreira participou de eventos em Alagoinha e Buíque no final de semana

IMG-20141221-WA0060

O deputado estadual Estadual Ângelo Ferreira esteve no último sábado (20) na cidade de Alagoinha, acompanhado do Vereador Siba, onde, a convite dos estudantes, foi padrinho e participou da solenidade de formatura da Escola José Paz Gramim no distrito de Socorro.

 IMG-20141221-WA0049Na manhã do domingo (21) Ângelo visitou a comunidade do Sobrado, em Buíque, na companhia do ex-vereador Leite da cidade de Arcoverde, onde conversou com os moradores e acompanhou o funcionamento do Sistema simplificado de abastecimento d’água, uma conquista do parlamentar através do Governo do Estado de Pernambuco.


Dilma defende Graça e diz que não pretende mudar diretoria da Petrobras

Confrontada com novas denúncias envolvendo a Petrobras, a presidente Dilma Rousseff saiu em defesa nesta segunda-feira (22) da presidente da estatal, Graça Foster, indicou que não pretende mudar a diretoria da empresa, assegurou que está trabalhando para que a nota de crédito da Petrobras não seja rebaixada e avisou que pretende mudar o seu conselho de administração, sem entrar em detalhes. Dilma recebeu no Palácio do Planalto jornalistas que cobrem o Palácio do Planalto para o tradicional café da manhã de fim de ano com a imprensa.

“Tem de ter alguma prova apresentada sobre qualquer conduta da presidente da Petrobras, Graça Foster. Eu conheço a Graça, sei da seriedade, da lisura da Graça, acho que é importante saber qual é a prova que se apresentou (contra a presidente da Petrobras). Porque se eu disser que te falei, o que eu quero? Eu tenho de provar que falei”, comentou Dilma.

“É muito difícil ter uma situação confortável quando existe a prática de condenar sem dar espaço pra defesa – é muito difícil -, sem perguntar pelas provas, nem pelos interesses. É muito fácil criar situação de constrangimento pra qualquer um.”

Em entrevista exibida no último domingo (21), pelo programa “Fantástico”, da TV Globo, a ex-gerente-executiva da Diretoria de Abastecimento da Petrobras Venina Velosa da Fonseca disse que informou “a todas as pessoas que podiam fazer algo” sobre irregularidades verificadas por ela. Venina também afirmou que registrou suspeitas por e-mail, e discutiu pessoalmente o assunto com a atual presidente da estatal, Graça Foster, quando a executiva máxima da companhia era diretora de Gás e Energia.

“A Graça é uma pessoa ética”, disse Dilma, confirmando que a presidente da Petrobras colocou o cargo à disposição. “Eu falei pra ela (Graça Foster) que, do meu ponto de vista, isso não era necessário. É óbvio que o cargo de todas as pessoas do governo estão à minha disposição. O fato de isso ocorrer (Graça colocar o cargo à disposição) é uma consideração comigo, é um ato que se podia chamar de educação política por parte da Graça”, observou Dilma.

“Eu não estou pretendendo alterar a diretoria da Petrobras, não estou pretendendo. Alterarei o conselho de administração da Petrobras”, disse a presidente.


Felipe Carreras rebate João Lyra

O futuro secretário de Turismo do governador eleito, Paulo Câmara (PSB), Felipe Carreras (PSB), rebateu, ontem, as declarações do atual governador, João Lyra (PSB), que, em entrevista à Folha de Pernambuco, disse que não há líder de peso estadual no PSB pernambucano, a despeito da vitória eleitoral da sigla para o Governo do Estado e Senado. De acordo com Carreras, Câmara demonstrou espírito de liderança por ocasião da escolha do secretariado estadual.

“Eu acredito que Paulo é, de fato, um líder do partido. Ele não foi escolhido à toa dentre tantos quadros preparados. Ultimamente, acredito que ele já tenha dado sinais de forte espírito de liderança no processo da escolha dos secretários de seu governo”, afirmou.

Carreras também rebateu as críticas feitas por Lyra ao ex-governador Eduardo Campos (PSB), morto em acidente aéreo em agosto deste ano, sobre a forma como Eduardo escolheu o candidato ao Governo do Estado. Lyra queixou-se de não ter sido consultado sobre os nomes que poderiam ser lançados pelo PSB para a disputa.

“Tenho muito respeito por João Lyra, mas vou ter que discordar dele. Eduardo não cometeu nenhum erro político na escolha do nome de Paulo Câmara, pelo contrário, ele conversou com deputados e outras lideranças do PSB para escolher o melhor quadro possível para o pleito. Não é a toa que conseguimos hoje ter o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), como o mais bem avaliado do Brasil. Também temos a maior bancada de deputados federais de Pernambuco da nossa história enquanto o PT estadual não terá ninguém na Câmara dos Deputados no próximo ano”, afirmou.

Informações: Folha de Pernambuco


Mensagem do Deputado Ângelo Ferreira


Inscrições no concurso do BB já estão abertas

As inscrições no concurso público Banco do Brasil (BB) começam nesta segunda-feira (22) pelo site www.cesgranrio.org.br.  Elas seguem até as 23h59 do dia 19 de janeiro de 2015 (segundo horário de Brasília/DF). Uma taxa de participação R$ 40 é cobrada. O certame é para o cargo de escriturário e oferece 2.499 vagas nacionais, sendo 170 só para Pernambuco

Os demais estados contemplados com oportunidades são Paraíba, Ceará, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Acre, Sergipe, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Paraná, Rondônia, Roraima e Santa Catarina. As informações são do Diário Oficial da União desta sexta-feira (19).

O salário inicial para a função é de R$ 2.227,26 para uma carga horária semanal de 30 horas. Para completar a remuneração dos servidores, que recebem Participação nos Lucros e Resultados (PLR) da instituição, há auxílio alimentação de R$ 572, vale-refeição de R$ 431,16, vale-transporte, vale-cultura de R$ 50, auxílios creche, ao filho com deficiência e, pra completar, previdência privada.

Etapas

A seleção consistirá de três etapas. A primeira é a Avaliação de Conhecimentos, mediante a aplicação de provas objetivas e a segunda é a prova de Redação, ambas de caráter eliminatório e classificatório a serem realizadas no mesmo dia 15 de março de 2015. Já a terceira e última fase corresponde a realização de Perícias Médicas e Procedimentos Admissionais, de caráter eliminatório.

Banco do Brasil
Vagas: 2.499 (170 delas para Pernambuco)
Cargo: escriturário
Nível: médio
Salário: R$ 2.227,26
Inscrições: de 22/12/2014 até 19/01/2014
Taxa:R$40
Prova: 15/03/2015
Mais informações: www.cesgranrio.org.br


Apesar de cargo de Armando, presidente do PTB diz que partido não será da base

Foto: Murilo Dantas/PTB

Filha de Roberto Jefferson, a nova presidente do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), Cristiane Brasil, eleita deputada federal este ano, afirmou que a legenda manterá postura de independência no Congresso, apesar de o senador pernambucano Armando Monteiro Neto (PTB) ter sido nomeado ministro de do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior para o próximo mandato.

“Vamos manter um distanciamento crítico do governo, que não é nem um alinhamento automático, tampouco uma oposição”, disse Cristiane Brasil, em entrevista publicada no site do partido.

A deputada eleita criticou a corrupção no poder público e elogiou o juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato. O pai dela, Roberto Jefferson, seu antecessor na presidência do PTB, foi preso em regime semiaberto por ter sido condenado no processo do mensalão. O ex-deputado foi autor da denúncia.

Cristiane Brasil ainda defendeu verba para as campanhas de mulheres, como forma de ampliar a participação feminina nos poderes legislativo e executivo. “Não adianta falar de cota para mulheres se as mulheres não tem como acessar esse financiamento”, apontou, referindo-se à obrigatoriedade de todos os partidos terem 30% de mulheres entre os seus candidatos.


Escola Técnica de Sertânia sedia evento de promoção a saúde e prevenção de violências

Teve início nesta quarta-feira (17), o II Seminário de Promoção a Saúde e Prevenção de Violências e a II Amostra de Experiências Exitosas em Atenção Básica promovido pela Prefeitura de Sertânia. O secretário de Saúde de Sertânia, Antônio Carlos Santana, abriu oficialmente o evento que acontece na Escola Técnica Estadual Arlindo Ferreira dos Santos (ETE).

Durante suas palavras na solenidade que deu início às atividades, o gestor da ETE, Júlio César B. de Albuquerque, ressaltou a importância da parceira entre Educação e Saúde para dar melhores condições de vida para a população. “É muito gratificante abrir as portas da Escola Técnica para a sociedade através de um evento como este. Afinal, a escola vai muito além dos seus muros. Esse tipo de parceira é importante para que possamos formar uma sociedade melhor”, disse Júlio César.

Os eventos fazem parte das ações prioritárias e estratégicas do Selo Unicef Município Aprovado – Edição 2013-2016, e contam com a participação de profissionais de saúde, alunos do Curso Técnico de Enfermagem da ETE e vários outros atores sociais.

Neste primeiro dia de trabalho, foi realizada a palestra A Importância sobre as Doenças e Agravos não Transmissíveis (DANT), proferida pela Gerente de Vigilância de DANT e Promoção da Saúde, da Secretaria Estadual de Saúde, MarcellaAbath. Em seguida, a coordenadora dos eventos, Alaíde Menezes, falou sobre a instituição pública como promotora da cultura de paz e prevenção de violência. Foram criados três grupos de trabalho para debater os temas: Doenças e Agravos Não Transmissíveis (DANT), Doenças Crônicas não Transmissíveis (DCNT) e Núcleo de Promoção a Saúde e Prevenção de Violências (Comitês).

Nesta quinta-feira (18), segundo e último dia dos eventos, haverá a apresentação dos trabalhos realizados nos grupos, além da composição dos comitês.

Com informações: ASCOM


Com maioria dos votos, bancada de situação fica com presidência da Câmara

Com uma bancada formada por sete parlamentares, a bancada de situação ficará com a presidência da Câmara de Vereadores de Sertânia. O novo representante do Poder Legislativo sertaniense no biênio 2015-2016 será o vereador Damião Silva.

A eleição será realizada nesta quinta-feira, 18 de dezembro de 2014.


Guilherme Uchoa pode experimentar resistência dos socialistas

Foto: João Bita/Alepe

Em busca de mais dois anos como presidente da Assembleia Legislativa do Estado, o deputado estadual Guilherme Uchoa (PDT) pode enfrentar uma inédita resistência dos aliados socialistas, depois da morte do ex-governador Eduardo Campos, prematuramente, em agosto deste ano.

Quando era governador, Eduardo Campos, em busca de uma zona de conforto, sempre deu aval às reconduções de Guilherme Uchoa na Alepe. Consta que, posteriormente, Eduardo Campos teria se arrependido da estratégia, de eternizar o aliado, usado para critica-lo no cenário nacional, nas eleições presidenciais, como um exemplo de caciquismo.

No começo de 2011, logo após as eleições de 2010, quando Eduardo Campos conquistou a reeleição, os deputados do PSB foram ao palácio pedir orientação e escutaram que deveriam votar pela permanência de Uchoa no comando do poder, já que não havia criado caso para seu primeiro governo. Não era só isto. Como juiz aposentado, Guilherme Uchoa gaba-se de ter um bom relacionamento com o Judiciário, outra área que Eduardo Campos não teve dor de cabeça quando era gestor.

A palavra de ordem, para destronar Uchoa agora, é usar e exigir o critério da proporcionalidade entre os partidos na casa, o mesmo que havia sido apresentado a Eduardo Campos lá atras e foi ignorado, na ocasião. Naquela época, o PSB já tinha obtido a eleição de 13 parlamentares. O número agora subiu para 15 deputados estaduais, enquanto o PDT de Guilherme Uchoa entrou e saiu das eleições fragmentado, com uma parte apoiando a oposição e outra apoiando Paulo Câmara.

A bancada socialista que se rebela contra Guilherme Uchoa defende que não devem apresentar um nome agora, mas insistir na ideia da proporcionalidade como requisito para a escolha, que tem voto secreto dos 49 deputados e sempre estimula traições, por não ser aberto. No entanto, os nomes mais citados são Waldemar Borges, líder do governo, além de Angelo Ferreira e Aluísio Lessa.

Os adversários de Guilherme Uchoa também dizem, na campanha interna, que o deputado estadual não representa a renovação e a Assembleia Legislativa precisa renovar. Nesta linha de raciocínio, a Assembleia Legislativa de Pernambuco precisaria pautar-se pelos anseios da sociedade e não apenas pelo interesse imediatos dos próprios parlamentares, sempre atendidos pelo pedetista.

O parecer da OAB, divulgado pelo Blog de Jamildo nesta terça-feira, afirmando que é inconstitucional as reeleições sucessivas do presidente da Alepe, acabou por dar mais entusiasmo ao grupo socialista. “Já se sabia que legalmente não podia. Uchoa deve estar treinando para responder a OAB”, afirma um socialista, em reserva.


Confira o resultado preliminar das Escolas Técnicas

Foi divulgado na manha desta quarta-feira (17), o resultado preliminar do processo seletivo para o preenchimento de vagas nas Escolas Técnicas Estaduais de Pernambuco.

CONFIRA O RESULTADO


Everaldo foi embora sem se despedir

Everaldo

Faleceu na tarde desta terça-feira (16), em decorrência de problemas de saúde, o nosso amigo EVERALDO LEITE, carinhosamente conhecido por Vevé. O falecimento ocorreu na cidade de Caruaru e o sepultamento será hoje (17). O corpo esta sendo velada na Rua 4, na Vila da COHAB

Everaldo deixa esposa e duas filhas.

O Moxotó da Gente entende que este momento é de dor e recolhimento e estende à família e amigos a sua solidariedade.


Conheça o secretariado de Paulo Câmara

O governador eleito Paulo Câmara (PSB) divulgou nesta segunda-feira )15), em um hotel na Zona Sul da cidade, a equipe que irá compor o seu secretariado a partir do dia 1° de janeiro. Veja a lista completa abaixo:

Antônio Figueira (PSB) – Casa Civil Médico especializado em administração hospitalar, Antônio Carlos Figueira, 53 anos, foi secretário de Saúde do governo Eduardo Campos (PSB) de 2011 a abril deste ano, além de adjunto da mesma pasta na segunda e na terceira gestão do avô do socialista, Miguel Arraes (PSB). Filiado ao partido em 2013, nunca exerceu cargos eletivos. Antônio Figueira foi coordenador de campanha de Paulo Câmara.
Danilo Cabral (PSB) – Planejamento e Gestão Embora seja deputado federal desde 2010, Danilo Cabral passou a maior parte desses quatro anos como secretário no Governo de Pernambuco, à frente das pastas de Educação e das Cidades. O parlamentar é formado em direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e é auditor concursado do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE). Filiado ao PSB desde 1995, foi vereador do Recife e ocupou cargos na Prefeitura da capital pernambucana.
Ennio Benning – Imprensa Assessor de comunicação na campanha de Paulo Câmara, o jornalista Ennio Benning também foi secretário de Imprensa de Pernambuco no governo de Jarbas Vasconcelos (PMDB) entre 2005 e 2006. É formado pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) e já foi repórter e editor do Jornal do Commercio e do Diario de Pernambuco.
Felipe Carreras (PSB) – Turismo, Esportes e Lazer Empresário do setor de entretenimento, Felipe Carreras foi secretário de Turismo e Lazer do Recife até abril deste ano, quando saiu para se dedicar à campanha para deputado federal, eleição que venceu. É casado com uma sobrinha de Renata Campos, viúva do ex-governador Eduardo Campos (PSB), e filiado ao partido desde 1995, atuou na coordenação da Juventude Socialista Brasileira de Pernambuco e foi Secretário Nacional de Juventude.
Frederico Amâncio – Educação Frederico Amâncio integra o Governo de Pernambuco desde 2010, ocupando os cargos de secretário de Saúde (2010), vice-presidente e presidente do Porto de Suape (2011) e secretário de Planejamento e Gestão (desde 2012). Baiano, é auditor fiscal da Secretaria da Fazenda desde 1995 e formado em administração pela Universidade de Pernambuco (UPE) e em direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), com pós-graduação em economia aplicada à Gestão Fiscal pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).
Sebastião Oliveira (PR) – Transportes Médico formado pela Universidade de Pernambuco (UPE), iria para o primeiro mandato na Câmara Federal, já tendo sido eleito outras vezes deputado estadual pelo PR (Partido Republicano). Filho do ex-deputado e ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado, é de Serra Talhada, terra do tio Inocêncio Oliveira, seu padrinho político. Foi secretário de Transportes na primeira Gestão Eduardo Campos.
Secretário Marcio Steffani.
Márcio Stefanni – Fazenda 
Atual secretário de Desenvolvimento Econômico, cargo que ocupa desde 2012, Márcio Stefanni entrou no Governo do Estado no início daquele ano, comandando a Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper). Stefanni é servidor concursado do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) desde 2002.
Milton Coelho (PSB) – Administração Integrante da Executiva Nacional do PSB, Milton Coelho acompanha Eduardo Campos (PSB) desde o último governo de Miguel Arraes, na década de 1990. Após a gestão, voltou para o Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE), passou pela Secretaria de Administração do Recife e pelo Ministério da Ciência e da Tecnologia, comandado por Eduardo, até voltar para a capital pernambucana, de onde foi vice-prefeito. Milton Coelho sempre esteve no alto escalão do PSB do Estado.
Waldemar Borges (PSB) – Líder do Governo O economista é líder do governo na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) desde 2011, seu primeiro ano de mandato como deputado estadual. De 2007 a 2010, Waldemar Borges foi secretário de Articulação Social no Governo Eduardo Campos, e secretário-executivo do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social de Pernambuco. Atualmente no PSB, ele, que iniciou sua militância política na juventude, foi presidente estadual do PMDB Jovem, entre 1985 e 1986, e do PPS por duas vezes. Além disso, foi vereador do Recife em quatro mandatos e assumiu secretarias e a gestão de órgãos da administração municipal.
Thiago Norões – Desenvolvimento Econômico Thiago Norões, primo de Eduardo Campos (PSB), foi procurador-geral do Estado de 2011 até o fim deste ano. Formado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), é procurador desde 1993.
Nilton Mota (PSB) – Agricultura e Reforma Agrária Ex-secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos do Recife e ex-secretário de Educação do Estado, na gestão Eduardo Campos. Disputou pela primeira vez uma eleição, sendo eleito deputado estadual.
André de Paula (PSD) – Cidades André, 53 anos, é advogado, formado em direito pela Universidade Federal de Pernambuco. Em 1999 assumiu pela primeira vez uma cadeira na Câmara dos Deputados pelo PFL (Partido da Frente Liberal), hoje DEM. Nos oito anos da gestão Jarbas, comandou as secretarias do Trabalho e Ação Social; de Produção Rural e Reforma Agrária do Estado de Pernambuco.
Lúcia Melo – Ciência, Tecnologia e Inovação Engenharia química pela Universidade Federal de Pernambuco, Lúcia Carvalho Pinto de Melo foi presidente da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco entre os anos de 1995 e 1999. Tem estrado em física pela UFPE e em energia e meio ambiente pela Universidade da Califórnia.
Rodrigo Amaro – Controladoria-Geral do Estado Rodrigo Amaro é, desde 2011, diretor-presidente da Pernambuco Participações e Investimentos S.A. (Perpart). O administrador, que é mestre em ciências contábeis e professor da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), atuou como chefe de Auditoria e como gerente de Auditoria, Prestação e Tomada de Contas da Secretaria da Controladoria Geral do Estado (SGCE).
Marcelino Granja (PC do B) – Cultura Formado em engenharia civil pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Marcelino Granja é analista tributário da Receita Federal. Filiado ao PCdoB desde 1982, foi secretário de Ciência e Tecnologia durante três anos, na gestão Eduardo Campos, e também secretário da Fazenda e Administração de Olinda, durante a gestão da então prefeita Luciana Santos.
Alessandro Carvalho – Defesa Social Baiano, o delegado da Polícia Federal Alessandro Carvalho é o atual secretário de Defesa Social, tendo assumido a vaga no lugar de Wilson Damázio, em 2013. Especialista em Gestão de Políticas de Segurança Pública pela Academia Nacional de Polícia, antes de assumir o comando exerceu o cargo de secretário executivo de Defesa Social entre julho de 2010 e dezembro de 2013.
Isaltino Nascimento (PSB) – Desenvolvimento Social, Criança e Juventude Secretário de Transportes de 2011 a 2013, no governo de Eduardo Campos (PSB), Isaltino Nascimento (PSB) se candidatou e foi eleito pela primeira vez em 2000, ainda pelo PT, para a Câmara Municipal do Recife. Dois anos depois, entrou na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) pela primeira vez, onde está há três mandatos. Este ano, Isaltino não foi reeleito.
Pedro Eurico (PSDB) – Justiça e Direitos Humanos Pedro Eurico se destaca por sua atuação na defesa dos direitos humanos. Iniciou sua carreira política como advogado militante da Comissão de Justiça e Paz, ligada a Arquidiocese de Olinda e Recife. Em 1982, foi eleito pela primeira vez vereador do Recife, tendo também ocupado o cargo de deputado estadual pelo PSB. Na gestão do governador Miguel Arraes, foi secretário de habitação.
Evandro Avelar (PSDB) – Micro e Pequena Empresa, Qualificação e Trabalho Evandro Avelar é engenheiro civil, filiado ao PSDB. Foi secretário de Infraestrutura e Mobilidade Humana de Jaboatão dos Guararapes e, na gestão do governador João Lyra Neto, que substituiu Eduardo Campos, foi titular da Secretaria das Cidades. Já exerceu os cargos de diretor geral da Agência de Desenvolvimento de Pernambuco (Adene), além de diretor presidente da Empresa Metropolitana de Transporte Urbano (EMTU) no governo Jarbas.
Sérgio Xavier (PV) – Meio Ambiente e Sustentabilidade Nascido na Bahia, Sérgio Xavier é jornalista, ecologista e empreendedor da área de comunicação digital. É um dos fundadores do Partido Verde no Brasil e em Pernambuco. Já ocupou cargos executivos nacionais no Ministério do Meio Ambiente, Ministério da Cultura e Sebrae. Após a aliança PV-PSB, em 2011, tomou posse como primeiro secretário estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco.
Sílvia Cordeiro – Mulher Médica sanitarista e feminista, Sílvia Cordeiro é fundadora e ex-coordenadora do Centro das Mulheres do Cabo. Até este ano, foi secretária da Mulher do Recife, pasta criada na gestão do prefeito Geraldo Julio, em 2013.
José Iran Costa Júnior – Saúde Médico oncologista, em 2013 foi nomeado pelo então secretário de Saúde de Pernambuco, Antônio Figueira, interventor do Hospital do Câncer de Pernambuco

 


IFPE divulga listão do Vestibular 2015

O listão do Vestibular 2015 do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) foi divulgado nesta segunda-feira (15), ao meio-dia. Às 11h, os primeiros colocados no processo seletivo foram divulgados. Nos cursos técnicos, o primeiro colocado foi Samuel Simões de Souza Filho, que tirou 97,21; o segundo colocado foi Matheus Liberal Farias, com 97,00; já o terceiro lugar ficou com Diego Leandro Sales Barbosa Santos, com 59,82. No curso superior, o primeiro lugar ficou com Mariana Lima de Souza Bezerra, que conseguiu a nota 88,81.

Clique aqui para conferir o listão dos aprovados

Ao todo, foram ofertadas 5.247 vagas em cursos técnicos e superiores. Os candidatos aprovados na primeira entrada devem ficar atentos ao período de matrícula, que já se inicia no dia 5 de janeiro. As datas variam de acordo com os cursos e os campi onde são oferecidos. Já as matrículas nos cursos de segunda entrada começam no mês de junho . Todo o cronograma encontra-se disponível no site.

VAGAS - No Vestibular 2015, o IFPE ofereceu 4.455 vagas para cursos técnicos e 792 para cursos superiores, distribuídas nos 15 campi do Instituto e mais 18 polos de Educação a Distância. Quem não teve o nome incluído no primeiro listão, deve ficar atento às reclassificações que serão publicadas sempre 48 horas após a data de realização de matrícula. Para o segundo semestre de 2015, serão ofertadas mais 2.160 vagas em cursos técnicos subsequentes pelo Sisutec e outras 382 vagas em cursos superiores pelo Sisu. Ambos os sistemas levam em consideração a nota do Enem.


Petrobras Distribuidora divulga concurso com 2,7 mil vagas para 14 Estados

 / Foto: Heudes Regis/JC Imagem

Foto: Heudes Regis/JC Imagem

A Petrobras Distribuidora divulgou a abertura de um processo seletivo com 2.702 vagas para nível médio e superior, sendo 47 para convocação imediata e 2.665 para cadastro de reserva. As inscrições poderão ser feitas entre os dias 16 de dezembro deste ano e 12 de janeiro de 2015, a uma taxa de R$ 40 (nível médio) e R$ 58 (nível superior). A remuneração mínima varia de R$ 3.095,97 a R$ 8.866,74. A publicação foi feita no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (15).

As áreas de nível superior contempladas no certame são para profissional júnior com formação em administração, ciências contábeis, comunicação (relações públicas), direito, engenharia (de meio ambiente, de produção, de segurança do trabalho, elétrica e mecânica), psicologia e serviço social, além de ênfase em automação (engenharia mecatrônica, eletrônica, elétrica, controle e automação); em vendas a grandes consumidores (engenharia mecânica); e em vendas a rede automotiva (administração, economia, engenharia ou marketing). A remuneração mínima para esses cargos é de R$ 8.866,74.

Os cargos de nível médio são para técnicos de administração e controle júnior (remuneração mínima de R$ 3.095,97). Para cargos de nível médio com formação técnica, há oportunidade para técnico de manutenção júnior (ênfase em elétrica e em mecânica), técnico de operação júnior e técnico de química júnior (remuneração mínima de R$ 3.730,66).

As provas objetivas serão realizadas no dia 8 de março de 2015 nas cidades de Ananindeua (PA), Aracaju (SE), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Boa Vista (RR), Brasília (DF), Campinas (SP), Campo Grande (MS), Coari (AM), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Itacoatiara (AM), João Pessoa (PB), Macapá (AP), Maceió (AL), Manaus (AM), Marabá (PA), Natal (RN), Ourinhos (SP), Palmas (TO), Paulínia (SP), Porto Alegre (RS), Porto Velho (RO), Recife (PE), Rio Branco (AC), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA), Santarém (PA), São José do Rio Preto (SP), São Luís (MA), São Paulo (SP) e Teresina (PI).

A divulgação do resultado final está prevista para 12 de maio do mesmo ano. O processo seletivo terá validade de 12 meses, podendo ser prorrogado por igual período. A organizadora da seleção é a Fundação Cesgranrio.

PERNAMBUCO – Do total de vagas oferecidas, 259 são para Pernambuco, sendo quatro para chamada imediata e 255 para cadastro de reserva. Os cargos contemplados são:

Nível médio:

- Técnico de administração e controle júnior (76 vagas – uma imediata; 50 para cadastro; 15 para pessoas pretas ou pardas; 10 para deficientes);

- Técnico de manutenção júnior – ênfase em elétrica (76 vagas – uma imediata; 50 para cadastro; 15 para pessoas pretas ou pardas; 10 para deficientes); e

- Técnico de operação júnior (76 vagas – uma imediata; 50 para cadastro; 15 para pessoas pretas ou pardas; 10 para deficientes);

Nível superior:

- Profissional júnior – ênfase em vendas a rede automotiva (31 vagas – uma imediata; 20 para cadastro; seis para pessoas pretas ou pardas; quatro para deficientes);