PT de Sertânia se complica na justificativa de não ter candidato a prefeito

Depois de uma nota da coluna Domingão do Blog do Nill, informando que o PT de Sertânia trocou o duvidoso ao retirar a candidatura a Prefeito do Dr.Orestes Neves, e optou pelo certo, jogando a toalha e se dizendo candidato à reeleição na Câmara, o Partido deu uma nota que mais complicou do que se explicou.

Assinada pelo Presidente Álvaro Góis, o Partido dos Trabalhadores informa que retirou a candidatura de Dr. Orestes Neves por questões relacionadas a Resolução Nacional do PT que vetou alianças com os partidos da base aliada do governo Bolsonaro.

Diz ainda que candidatura de Dr.Orestes Neves era forte o suficiente para derrubar os coronéis de Sertânia. Daí ficam as perguntas: Se a candidatura era tão forte, por que não foi mantida? –

Se a resolução nacional proíbe aliança com partido da base de Bolsonaro, por que não disputa em faixa própria? – O partido da estrela em Sertânia, deixa a ideia de que assim como o nacional, perdeu o discurso.

A análise é de Anchieta Santos.

Do Blog de Nill Junior

Deixe uma resposta