Servidores municipais de Buíque realizam protesto cobrando o pagamento atrasado do salário

Na manhã desta terça-feira (12/01), os servidores municipais da prefeitura de Buíque se reuniram em protesto pelas ruas da cidade, cobrando o pagamento atrasado do salário de dezembro de 2020. Antes da manifestação, o prefeito da cidade se reuniu com os representantes do sindicato e demais representantes do governo municipal.

Nesta reunião, falaram das dificuldades financeiras que a gestão estava encontrando e se propuseram a dividir o pagamento em três parcelas de 30% (fevereiro), 30% (março) e 40% (abril), ou ¨ podendo ser quitado em sua integralidade, até o dia 10 de fevereiro caso haja disponibilidade de recursos¨.

Em assembleia no auditório do sindicato, os servidores optaram por não aceitar a proposta de parcelamento, haja vista que tal medida irá acarretar no acúmulo de juros das dividas contraídas pelos servidores.

Apesar da incerteza sobre a disponibilidade de recursos para tal, a categoria decidiu aceitar a proposta do pagamento integral até o dia 10/02, sobre o risco de deflagrar greve até que este pagamento seja efetuado.

Deixe uma resposta