Governo entrega pavilhão de Itaquitinga

Complexo é constituído por salas de aula, celas de tamanho variado, pavilhões de convivência comum, entre outros / Hélia Scheppa/SEI

Após um imbróglio judicial, que se arrastou por quase cinco anos, o Governo do Estado entregou nesta segunda-feira (8) a primeira unidade do Centro Integrado de Ressocialização de Itaquitinga, na Zona da Mata Norte do Estado. A expectativa é que a unidade entre em funcionamento nos próximos 40 dias, com o preenchimento do quadro de funcionários e de equipamentos.

Por medidas de segurança, não serão divulgados os dias das transferências nem as procedências do presos. O pavilhão, construído inicialmente para o regime semiaberto, foi adaptado para abrigar cerca de 1.000 presos do regime fechado.

O complexo de Itaquitinga é constituído por celas de tamanhos variados, administração e recepção de visitantes, pavilhão destinado aos presos que exercem atividades laborais, 12 salas de aula, área jurídica e de saúde, refeitório, além de pavilhões de vivências coletivas e instalações para a Polícia Militar.

Segundo pavilhão deve ser ficar pronto em oito meses

Durante a visita de inauguração, o governador Paulo Câmara assinou a Ordem de Serviço para dar início às obras do segundo pavilhão do presídio. O investimento é de R$ 10 milhões e o projeto deve seguir os mesmos moldes do primeiro pavilhão. A duração da obra deve ser de oito meses.

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

 
Scroll To Top